O Bitcoin Cresce e Volta a US$ 1 Trilhão

Fique de olho nos indicadores econômicos, na situação financeira das empresas de criptomoedas e se continuaremos ou não vendo essa recuperação.

O Bitcoin ampliou seus ganhos do dia anterior (sexta-feira) e confirmou o tom de recuperação que dominou ao longo da semana no mercado de criptomoedas. O valor de mercado combinado de criptomoedas agora é de US$ 1 trilhão novamente.

Dentre os dados macroeconômicos, o mais importante é o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, que sai na quarta-feira (13) às 9h30 (horário de Brasília).

O índice de preços ao produtor sai na quinta, também às 9h30. Fora isso, vale ficar atento ao discurso de John Williams, presidente do Federal Reserve de Nova de Nova York, na segunda-feira às 15h. O índice de preços ao produtor é uma medida da variação média dos preços recebidos pelos produtores domésticos de bens e serviços durante um período. É um importante indicador de pressões inflacionárias.

Um ex-funcionário de uma empresa de empréstimo de criptomoedas, Bitfinex, acusou-os de manipular o preço de seu token proprietário usando fundos de clientes. Em uma postagem no blog, ele afirma que a empresa estava gastando o dinheiro do cliente para comprar seus próprios tokens para aumentar o preço e depois vendê-los por um valor mais alto. Esse processo é conhecido como "manipulação de preços".

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você não pode copiar o conteúdo desta página